Revendo conceitos, combatendo heresias e defendendo a fé original
** Deseja nos enviar uma crítica, dúvida ou sugestão? Visite a Página de Contato e deixe seu recado! Faça seus estudos bíblicos rápidos de maneira prática e eficaz... conheça nosso recurso online para Estudo Pessoal!
O artigo "Doutrina de Demônios", que por muito tempo foi o mais lido do blog, está sendo reescrito! Por se tratar de um artigo extenso, será repostado em partes. Aguarde!
Para acompanhar novos artigos, curta nossa página no Facebook ou nos siga no Twitter.

Salvação e a Igreja

“Pois Deus não enviou o Filho ao mundo para julgar o mundo, mas para que o mundo seja salvo por ele.

Quem nele crê, não é julgado; o que não crê, já está julgado, porque não crê no nome do Filho unigênito de Deus.”
(João 3:17 e 18)

O que salva? Cristo? A Fé? A Igreja?
No verso citado acima nos diz que é o Filho de Deus, Jesus. Em Atos está escrito:


“Não há salvação em nenhum outro; porque abaixo do céu não há outro nome dado entre os homens, em que devamos ser salvos.” 
(Atos 4:12)

Não há outro nome dado entre os homens (Jesus) em que podemos invocar e nos salvar.
A fé é essencial para a salvação, como está escrito:


“Ora, sem fé é impossível agradar a Deus, pois para se achegar a ele é necessário que se creia primeiro que ele existe e que [Ele] recompensa os que o procuram.”
(Hebreus 11:06)


E igreja? Pode salvar?
Sim, uma verdadeira Congregação, bem edificada sobre a Palavra (que é Cristo) pode. Muitos dizem que só Deus salva_verdade_mas numa Congregação certa, é que estão os certos, os justos que ele há de escolher. Mas  não somente sendo um congregante ouvinte, pois o verdadeiro é praticante:


“Sede cumpridores da palavra e não apenas ouvintes; que isto é vos enganardes a vós mesmos.”
(Tiago 1:22)


Por que pode salvar? Quem salva é Deus, mas ele tem os seus chamados. E assim como anteriormente, eram da Comunidade de Israel, hoje, é da Cristã, de todas as nações. Mas por que? Vamos ler:


“Pois também eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do domínio da morte não prevalecerão contra ela;”
(Mateus 16:18)


Se a verdadeira igreja não pudesse "possibilitar mais" a salvação, por que Jesus teria dito isso? Sendo que nem apenas o domínio da morte/mundo dos mortos, poderá prevalecer contra ela? 
Sobre quem foi edificada? Pedro, que nesse contexto é chamado de pedra. E, analisando o mesmo contexto, notamos que Pedro declarou Jesus ser o filho de deus, o Cristo. Perceba o seguinte: Se confessarmos a Jesus como o filho de deus, nosso senhor e Cristo, em nós é edificada a congregação.
"Congregação" não é uma instituição física, mas a comunhão espiritual dos irmãos.
Se aceitamos a Cristo, fazemos parte de seu corpo, e assim, é edificado em nós a sua igreja.
Ele é a pedra principal, de esquina: todos nós, como "pedras", onde é edificado a nossa igreja, toma por referência essa pedra de esquina.

Nenhum comentário:

Postar um comentário