Revendo conceitos, combatendo heresias e defendendo a fé original
** Deseja nos enviar uma crítica, dúvida ou sugestão? Visite a Página de Contato e deixe seu recado! Faça seus estudos bíblicos rápidos de maneira prática e eficaz... conheça nosso recurso online para Estudo Pessoal!
O artigo "Doutrina de Demônios", que por muito tempo foi o mais lido do blog, está sendo reescrito! Por se tratar de um artigo extenso, será repostado em partes. Aguarde!
Para acompanhar novos artigos, curta nossa página no Facebook ou nos siga no Twitter.

Jesus Voltou! - O Apocalipse Segundo o Evangelho 2

No estudo anterior você conferiu que os sinais do advento já aconteceram no primeiro século como todos autênticos  cristãos previam. E a volta de Jesus? Ocorreu? Como?

 

2º Estudo: JESUS VOLTOU!
(O texto a seguir é de autoria de William Bell Jr., e pode ser conferido na íntegra no blog Preterismo Completo, traduzido por Daniel Plautz e revisado por Tiago Moreira)


Algumas passagens acerca da volta de Jesus parecem à primeira vista não se aplicar a 66-70 dC. Principalmente aquelas que aparentam (apenas aparentam) mostrar um retorno de Jesus em um corpo físico e visível. Essas são passagens são frequentemente abusadas pelos literalistas e futuristas para fundamentar sua crença nesse tipo de vinda de Cristo. Uma destas passagens é a seguinte:

Atos 1:9-11 - Tendo ele dito estas coisas, foi levado para cima, enquanto eles olhavam, e uma nuvem o recebeu, ocultando-o a seus olhos. Estando eles com os olhos fitos no céu, enquanto ele subia, eis que junto deles apareceram dois varões vestidos de branco, os quais lhes disseram: Varões galileus, por que ficais aí olhando para o céu? Esse Jesus, que dentre vós foi elevado para o céu, há de vir assim como para o céu o vistes ir.

Portanto, queremos estudar três pontos importantes nesta passagem.

1  - A nuvem que vem

2  - O mesmo Jesus

3  - Da mesma maneira

Primeiro:

A vinda de Deus nas nuvens no Antigo Testamento simbolizava presença divina em julgamento. Vemos isso quando o Senhor Deus veio Julgar o Egito em (Isaías 19):

Isaías 19:1 - Profecia acerca do Egito. Eis que o Senhor vem cavalgando numa nuvem ligeira, e entra no Egito; e os ídolos do Egito estremecerão diante dele, e o coração dos egípcios se derreterá dentro de si.

Claramente, este é um texto que traz um sentido espiritual da destruição do Egito, mas também da real vinda do Senhor.

Deus veio numa nuvem para julgar o Egito, mas ele não estava vindo em um corpo físico ou nuvem visível! Da mesma forma foi o retorno do nosso de Cristo. A vinda de Cristo em 70 d.C. não foi nem em cima de uma nuvem física nem em um corpo físico. Ela também foi uma vinda espiritual, porém, real.

Mateus 24:30 - Então aparecerá no céu o sinal do Filho do homem, e todas as tribos da terra se lamentarão, e verão vir o Filho do homem sobre as nuvens do céu, com poder e grande glória.

Segundo:

A maioria dos estudantes da Bíblia concorda que a vinda de Cristo neste texto é literal, não-física, mas real e ocorreu antes que a geração do primeiro século passasse (Mateus 24:34). Eles também devem concordar que este era o mesmo Jesus que foi crucificado e que subiu na nuvem descrita na passagem de (Atos 1:11). Essas coisas são verdadeiras, então temos que concordar que nós tivemos uma vinda nas nuvens espiritual, real e verdadeira do mesmo Jesus. O julgamento de Deus sobre o Egito é bem similar ao que aconteceu com Jerusalém em 70 d.C.

Isaías 19:2-4 – Incitarei egípcios contra egípcios; e cada um pelejará contra o seu irmão, e cada um contra o seu próximo, cidade contra cidade, reino contra reino. E o espírito dos egípcios se esvaecerá dentro deles; eu destruirei o seu conselho; e eles consultarão os seus ídolos, e encantadores, e necromantes e feiticeiros. Pelo que entregarei os egípcios nas mãos de um senhor duro; e um rei rigoroso os dominará, diz o Senhor Deus dos exércitos.

Paralelo

Lucas 21:10, 20-24 – Então lhes disse: Levantar-se-á nação contra nação, e reino contra reino;... Mas, quando virdes Jerusalém cercada de exércitos, sabei então que é chegada a sua desolação. Então, os que estiverem na Judéia fujam para os montes; os que estiverem dentro da cidade, saiam; e os que estiverem nos campos não entrem nela. Porque dias de vingança são estes, para que se cumpram todas as coisas que estão escritas. Ai das que estiverem grávidas, e das que amamentarem naqueles dias! Porque haverá grande angústia sobre a terra, e ira contra este povo. E cairão ao fio da espada, e para todas as nações serão levados cativos; e Jerusalém será pisada pelos gentios, até que os tempos destes se completem.

É tempo de abrirmos os olhos de nosso entendimento (Efésios 1:18). Na verdade, Paulo exortou os efésios a usar o olhar da compreensão, a fim de saber qual seria a esperança da vocação deles.

Efésios 1:18 - sendo iluminados os olhos do vosso coração, para que saibais qual seja a esperança da sua vocação, e quais as riquezas da glória da sua herança nos santos,

Ao fazer isso, vamos começar a ver mais do que aquilo que é visível aos olhos físicos! 

Terceiro:

Alguém tem que manter a mesma forma do corpo para ser a mesma pessoa? Isto é o que se argumenta para um retorno de Cristo corpóreo e visível. No entanto, se este fosse o caso, faria da Bíblia uma infinidade de contradições. Vejamos por exemplo o texto de Apocalipse:

Apocalípse 1:9-17 – Eu, João, vosso irmão e companheiro na tribulação, na realeza e na perseverança em Jesus, encontrava-me na ilha de Pat- mos, por causa da Palavra de Deus e do Testemunho de Jesus. No dia do Senhor fui movido pelo Espírito, e ouvi atrás de mim uma voz forte, como de trombeta, ordenando: Escreve o que vês, num livro, e envia-o às sete Igrejas: a Éfeso, Esmirna, Pérgamo, Tiatira, Sardes, Filadélfia e Laodicéia".  Voltei-me para ver a voz que me falava; ao voltar-me, vi sete candelabros de ouro  e, no meio dos candelabros, alguém semelhante a um filho de Homem, vestido com uma túnica longa e cingido à altura do peito com um cinto de ouro. Os cabelos de sua cabeça eram brancos como lã branca, como neve; e seus olhos pareciam uma chama de fogo. Os pés tinham o aspecto do bronze quando está incandescente no forno, e sua voz era como o estrondo de águas torrenciais. Na mão direita ele tinha sete estrelas, e de sua boca saía uma espada afiada, com dois gumes. Sua face era como o sol, quando brilha com todo seu esplendor. Ao vê-lo, caí como morto a seus pés. Ele, porém, colocou a mão direita sobre mim assegurando: "Não temas! Eu sou o Primeiro e o Último,

Foi essa a imagem vista do Senhor Jesus em (Atos 1:9-11)? Óbvio que não! O sentido do argumento de (Atos 1:9-11) é que assim como Jesus estava indo EM GLÓRIA, Ele retornaria EM GLÓRIA! O Apostolo Paulo fala algo importante:

2 Coríntios 5:16 - Por isso daqui por diante a ninguém conhecemos segundo a carne; e, ainda que tenhamos conhecido Cristo segundo a carne, contudo agorajá não o conhecemos desse modo.

Quarto:

“Assim como” é um advérbio que não modifica ou descreve o substantivo Jesus como na aparência. Da mesma maneira modifica o verbo da frase assim virá. Portanto, é um abuso das leis da gramática usar “assim como” para se referir à aparência de Cristo. Gramaticalmente e contextualmente falando, ele só se refere a sua subida em uma nuvem. Assim, o retorno da mesma maneira quer dizer que ele voltaria em uma nuvem. E, para repetir, não há respaldo algum para uma nuvem física no retorno de Cristo.

Quinto:

Para corroborar o argumento acima exposto, para que a frase “assim como” se refira a aparência corporal de Cristo, é necessário fazer da Bíblia uma contradição, e fazer dos escritores inspirados mentirosos. João estava presente quando Jesus subiu. Ele, juntamente com os outros apóstolos, viu a aparência física de Cristo, quando ele ascendeu ao céu. No entanto, cerca de trinta anos mais tarde, escreve ele:

1 João 3:2 - Amados, agora somos filhos de Deus, e ainda não é manifesto o que havemos de ser. Mas sabemos que, quando ele se manifestar, seremos semelhantes a ele; porque assim como é, o veremos.

Sexto:

Se alguém tentar discordar com o argumento, dizendo: “Sim, mas estamos falando de um corpo glorificado, espiritual e imortal”

Resposta: O Senhor Jesus já estava em um corpo glorificado quando foi visto subindo em uma nuvem em Atos 1:9-11? Se isso fosse verdade, se ele já estava no mesmo corpo glorificado de seu retorno, então João estava delirando, pois ele viu o Senhor e agora diz que não tinha o visto como ele é! Isso, meus amigos, é um dilema que põe a inspiração de João em falsidade! Tal não pode ser.

Sétimo:

A frase assim como (Hon Tropon) significa uma forma, maneira, moda, assim como. Léxico de Thayer, p.631. Esta frase é usada para expressar algo idêntico em forma de ação, ou resultados. Pedro faz uso de Hon Tropon para se referir ao processo idêntico em que ambos os judeus e gentios seriam salvos, ou seja, pelo evangelho (Atos 15:11). Outro exemplo mostra uma similaridade de identidade:

2 Timóteo 3:8 – E assim como (Hon Tropon) Janes e Jambres resistiram a Moisés, assim também estes resistem à verdade, sendo homens corruptos de entendimento e réprobos quanto à fé.

Estes homens são aqueles que por sua magia resistiram a Moisés no palácio do faraó (Êxodo 7:11-12). Quando Paulo disse que assim como (Hon Tropon) alguns resistiram à pregação de Timóteo, os magos egípcios resistiram a Moisés e Arão. Obviamente, eles não eram mágicos atuando como atuaram os anteriores. Portanto, assim como se refere à rejeição do porta-voz de Deus, Timóteo, assim como no caso de Moisés. O termo não exige uma exibição literalista idêntica de magia e bruxaria.

Oitavo:

E tendo em vista todo o exposto, esta parece ser a aplicação mais consistente desse termo “assim como” em (Atos 1:11). Ela não exige uma nuvem física ou Jesus de forma corpórea.

Nono:

Insistir no ponto de ser idêntico se tornaria uma catástrofe bíblica. Por exemplo, a ascensão foi privada, a um grupo de onze homens, localmente confinado ao monte das Oliveiras, perto da cidade de Jerusalém (Atos 1:12). Para o evento ser literalmente nos mesmos moldes, exigiria um retorno em um local confinado e privado aos mesmos onze homens. (Ver J. Stuart Russell, A Parousia). Isso colocaria a vinda dentro de suas vidas, no primeiro século de sua geração. Fazer isso contradiz o retorno físico-visível-corpóreo de Cristo como alguns acreditam.

Décimo:

O argumento de (Atos 1:11), onde Cristo vem na glória, descreve (Daniel 7:13-14).

Daniel 7:13-14 - Eu estava olhando nas minhas visões noturnas, e eis que vinha com as nuvens do céu um como filho de homem; e dirigiu-se ao ancião de dias, e foi apresentado diante dele. E foi-lhe dado domínio, e glória, e um reino, para que todos os povos, nações e línguas o servissem; o seu domínio é um domínio eterno, que não passará, e o seu reino tal, que não será destruído.

Este texto constitui o plano de fundo de ambos os textos (Mateus 24:30) e (Apocalipse 1:7) os quais mencionam a volta de Cristo nas nuvens. O tempo para o cumprimento desta profecia é claramente durante os dias da besta de 10 chifres, conforme diz Daniel (7:22-24). Não é por acaso que a besta de dez chifres mencionada por Daniel aparece em (Apocalipse 13:1-2), é justamente o capítulo que antecede a vinda nas nuvens de um como o Filho do homem (Apocalipse 14:14), a formulação exata de (Daniel 7:13)! Assim, a vinda do Filho do homem sobre as nuvens de (Atos 1:11) é cumprida nos dias do império romano, nos dias do 4º reino da profecia de Daniel. Outra prova é o fato de que a prostituta, Mistério da Babilônia, senta-se sobre esta besta de 10 chifres. Mistério da Babilônia é Jerusalém, pois ela está bêbada com o sangue dos santos e o sangue dos mártires de Jesus (Apocalipse 17:06, 18:20-24). Ela iria experimentar a vingança de Deus por assassinar os santos, os profetas e Jesus. Este julgamento é, inegavelmente, o que acontece antes daquela geração passar. Jerusalém foi destruída pelos romanos no primeiro século (Lucas 21:20-22) cumprindo assim (Mateus 24:30) e (Daniel 7:13). Esta explicação satisfaz todas as exigências de (Atos 1:11).

Finalmente:

(Atos 1:11) deve ser regido pelas declarações aplicáveis as passagens do retorno de Cristo. Retorno este, que tinha sido prometido para a geração do primeiro século, (Mateus 16:27-28;24:3-34). Estava perto, (Romanos 13:11-12; Filipenses 4:5, Tiago 5:8; 1 Pedro 4:7; Apocalipse 1:3; 22:6-12) e se cumpriu. Foi o mesmo Jesus que foi crucificado, e que também ascendeu, que voltou nas nuvens, (Apocalipse 1:7), nos mesmos moldes, ainda não visto fisicamente, mas espiritualmente discernido, em completa harmonia com a Palavra de Deus.


2 comentários:

  1. Cara, a vinda de Jesus está relacionada com vários fatores que estão sendo ignorados o obscurecidos.
    A vinda do Senhor acarretará:

    1º na primeira ressurreição

    "Porque, se cremos que Jesus morreu e ressuscitou, assim também aos que em Jesus dormem, Deus os tornará a trazer com ele.

    Dizemo-vos, pois, isto, pela palavra do Senhor: que nós, os que ficarmos vivos para a vinda do Senhor, não precederemos os que dormem.

    Porque o mesmo Senhor descerá do céu com alarido, e com voz de arcanjo, e com a trombeta de Deus; e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro.

    Depois nós, os que ficarmos vivos, seremos arrebatados juntamente com eles nas nuvens, a encontrar o Senhor nos ares, e assim estaremos sempre com o Senhor.

    Portanto, consolai-vos uns aos outros com estas palavras.
    1 Tessalonicenses 4:14-18"

    "E a vontade do Pai que me enviou é esta: Que nenhum de todos aqueles que me deu se perca, mas que o ressuscite no último dia.
    João 6:39"

    "Porquanto a vontade daquele que me enviou é esta: Que todo aquele que vê o Filho, e crê nele, tenha a vida eterna; e eu o ressuscitarei no último dia."
    João 6:40

    "Ninguém pode vir a mim, se o Pai que me enviou o não trouxer; e eu o ressuscitarei no último dia."
    João 6:44

    "Quem come a minha carne e bebe o meu sangue tem a vida eterna, e eu o ressuscitarei no último dia."
    João 6:54

    2º na entrega dos galardões

    "E, eis que cedo venho, e o meu galardão está comigo, para dar a cada um segundo a sua obra.
    Apocalipse 22:12"



    E na que a vinda do Senhor será visível a todos, pois Ele diz:
    "Eis que vem com as nuvens, E TODO OLHO O VERÁ, ATÉ OS MESMOS QUE O TRANSPASSARAM; e todas as tribos da terra se lamentarão sobre ele. Sim. Amém.
    Apocalipse 1:7"

    VEJA O DETALHE, "ATÉ OS MESMOS QUE O TRANSPASSARAM" OU SEJA ATÉ OS PECADORES VERÃO A ELE, E NÃO SOMENTE VERÃO MAS SE LAMENTARÃO!
    Logo se será visível assim também será visível a Sua Glória!
    e ainda complementa
    "Porque, assim como o relâmpago sai do oriente e se mostra até ao ocidente, assim será também a vinda do Filho do homem.
    Mateus 24:27"

    "E então verão vir o Filho do homem numa nuvem, com poder e grande glória.
    Lucas 21:27"

    E outra, a mulher em profecia significa igreja
    Se abrirmos a Bíblia no livro de Efésios, o Apóstolo Paulo explica o significado de “mulher” em profecia, “Porque o marido é a cabeça da mulher, como também Cristo é a cabeça da igreja, sendo este o mesmo Salvador do corpo”. Efésios 5:23.

    Então mulher significa igreja, em profecia.
    Outro exemplo: o que quer dizer “água”? Como no trecho: “A besta saiu do mar”. O significado de “água” é encontrado em Apocalipse 17:15. “Falou-me ainda: As águas que viste, onde a meretriz está assentada, são povos, multidões, nações e línguas”. Então, mulher em profecia, quer dizer igreja, e água em profecia quer dizer povos. Recapitulando: animal – rei ou reino; mulher – igreja; e água – povos.

    a meretriz que se prostitui com os reis da terra que é justamente o oposto da Mulher vestida de sol
    "E viu-se um grande sinal no céu: uma mulher vestida do sol, tendo a lua debaixo dos seus pés, e uma coroa de doze estrelas sobre a sua cabeça.
    Apocalipse 12:1"

    logo a prostituta (igreja) se assenta sobre sete colinas
    "Aqui o sentido, que tem sabedoria. As sete cabeças são sete montes, sobre os quais a mulher está assentada. Apocalipse 17:9"
    se tratando de roma, mas como igreja, ou seja o sistema papal, então não pode ser Jerusalém em sua destruição pouco depois de Cristo no ano 70 d.C, até porque apocalipse foi escrito mto depois da destruição de jerusalém em meados de 90 d.C. e todos conhecemos o fato da inquisição e da atrocidade que houve conferindo o fato futuro.
    "E vi que a mulher estava embriagada do sangue dos santos, e do sangue das testemunhas de Jesus. Apocalipse 17:6"

    ResponderExcluir
  2. Graça e Paz!

    Os versos citados sobre ressurreição remetem à única ressurreição corpórea, que será a segunda de Apocalipse 20. Saiba mais no nosso novo artigo: http://www.autenticismo.tk/2013/05/o-reino-milenar-o-apocalipse-segundo-o.html

    A respeito de "todo olho verá", esse artigo presente (Jesus Voltou!) já fala sobre o que ele significa. As autoridades romanas conheciam muito bem o significado simbólico sobre "vir sobre nuvens", que é a vinda da justiça de Deus. Todo olho viu, em 70dC, até mesmo os que mataram Jesus, o grande incêndio sobre Jerusalém.

    A expressão "todo olho verá" NÃO precisa ser entendido necessariamente como "todos homens, até mesmo os que já morreram e os que irão de nascer verão".
    Todos os que existiam na época em que ocorreu, é que viram.

    A respeito de Lucas 21:27, também já foi refutado neste tópico presente.

    Sugiro que leia com atenção, antes de comentar.
    Esta série sobre o Apocalipse tem 3 estudos bíblicos até este momento, seria interessante lê-los.

    A equipe Nova Visão (mantenedora Autenticismo na Web) agradece seu contato.

    ResponderExcluir